ARGAMASSA

Please reload

Apresentação

 

Criado em 1989, este grupo de trabalho tem como objetivo, em nível macro, estabelecer diretrizes, coordenar e acompanhar resultados de pesquisas científicas e tecnológicas, com o intuito mais amplo de contribuir com a organização e consolidação da pesquisa sobre argamassas no contexto nacional.

 

Também tem se constituído um objetivo do GT Argamassa a discussão e a produção de textos normativos. Neste sentido, desde o início da década de 90, o GT tem participado da normalização brasileira através da redação de textos de projeto de norma, no âmbito do ABNT CB-02 - Comitê Brasileiro da Construção Civil (COBRACON) e do ABNT CB-18 - Comitê Brasileiro de Cimento, Concreto e Agregados.

 

O escopo deste comitê é estudar as seguintes argamassas: de revestimento de paredes e tetos; de contrapiso; de assentamento de alvenarias de vedação e estrutural, além das argamassas de assentamento (colante) e de rejuntamento de revestimentos cerâmicos.

 

Neste âmbito são enfocadas tanto as argamassas preparadas em obra como as industrializadas e usinadas, assim como seus materiais constituintes (cimento, cal, areia, aditivos, RCD, fibras, etc.), suas propriedades nos estados fresco e endurecido, métodos de ensaio, desempenho dos sistemas, manifestações patológicas, controle em obra, manutenção, reabilitação e restauração, projeto de sistemas de revestimentos, etc.

 

Outra função prioritária do GT é a promoção dos Simpósios de Tecnologia das Argamassas, os quais visam à difusão dos conhecimentos e dos resultados de pesquisas até então acumulados. O primeiro Simpósio Brasileiro de Tecnologia das Argamassas – SBTA ocorreu em 1995, organizado pela UFG, em Goiânia – GO. A partir daí o evento vem ocorrendo bianualmente, em várias cidades brasileiras. 

 

Visite o site do GT-Argamassas para consultar os anais dos eventos já realizados.